Soul Asylum – Grave Dancers Union

SoulAsylum

Postado originalmente na music4l em 23/09/2009

O Soul Asylum é uma banda de Rock Alternativo formada em 1983, e mais tarde, final dos anos 80s começo dos 90s, embarcou na onda do movimento grunge e foi considerada uma das pioneiras do mesmo, junto de bandas como Mudhoney e Screaming Trees.

Somebody To Shove abre as portas para Grave Dancers Union, começando com um riff poderoso, extremamente agudo, rápido, possuindo também refrões bastante marcantes e repetitivos, no final sendo acompanhado por um backing vocal completamente aflito, encaixando perfeitamente na temática da música. Somebody To Shove foi o primeiro clipe/ single, além de ser a única música do álbum que chegou a liderar as paradas.

Grave Dancers Union é de todos os 10 álbuns da banda, o mais popular, lançado em 1992, alcançou inúmeros prêmios, dentre eles Grammys, devido à música Runaway Train, em categorias como: Melhor Musica de Rock, além de alcançar até a segunda colocação nas paradas de todo o mundo.

O grande motivo de todo estouro de Runaway Train, está desde a música, uma canção acústica, porque não, mela cueca, com uma letra extremamente reflexiva, vocal sofrido, tendo todos esses ingredientes adicionados a um refrão fácil de lembrar, completamente grudento. Pronto, já era o suficiente para o Soul Asylum despontar nas paradas, mas não, eles quiseram ter a segurança de que, eles chegariam lá, no topo. E com isso, veio o clipe de Runaway Train, na verdade, oS clipeS. A banda fez uma versão norte-americana e uma Britânica, mas ambos mostrando a mesma idéia: a quantidade de crianças perdidas nos respectivos países. O videoclipe foi muito bem sucedido, trazendo inúmeras crianças desaparecidas às suas respectivas casas, nessa época o Soul Asylum fora convidado pelo presidente Bill Clinton para uma apresentação da respectiva música na Casa Branca, assim realizando.

Black Gold, segunda faixa do álbum começa extremamente calma, dedilhada, de repente, quebrada por um riff simples e “pesado”, ao longo da música podemos perceber que essas partes mais calmas são encaixadas no verso e as mais “agressivas” no refrão. Infelizmente vejo partes desnecessárias na faixa.

Juro que não sei por que, mas tenho uma fascinação por musicas que tem “It Up”, bem e com Keep It Up não é diferente. Uma das faixas mais “agitadas” de todo álbum, e que mais ficam na cabeça, talvez pelo seu refrão a base de “Nánáná” e Keep It Up, ótimo para pessoas de inglês fluente como o meu, sair cantando por aí.

Homesick supera no quesito “Hit Mela Cueca” de Runaway Train, mas vamos às diferenças, Runaway train é uma música incrível, já Homesick…..bem, não passa de um mela cueca bonitinho mesmo, sem grandes brilhos, nada que fuja do comum.

Para quebrar esse clima de mela-cueca e de tristeza chula, nada melhor que Get On Out, seria necessário só os cinco primeiros segundos dela para revigorar toda a “agitação” tirada por Homesick, ao seu final você saberá apenas uma coisa: I Gotta Get On Out

Ok, nada é feito de maravilhas, Grave Dancers Union é capaz de tirar sua paciência, uma vez que, a cada duas músicas uma é uma baladinha safada, pior, parece que a cada música calma do CD, vai só decaindo o nível, bem, essa é New World.

Novamente, o Soul Asylum arruma uma maneira de quebrar esse gelo, desta vez com uma música extremamente pesada, April Fool uma linha de guitarra monstra, em minha opinião, a melhor do álbum, acrescido a um refrão que me soa muito similar a bandas de rock alternativo dos anos 80s.

Bem….. Não preciso falar muito, após uma música mais animada, o que se pode esperar? Bingo, baladas, e assim o álbum vai seguindo toda sua previsibilidade com Without a Trace.

Growing Into You é a típica música dos anos 90s, animada, familiar somado com uma linha de guitarra insana, principalmente no bridge, timbres sensacionais.

99% faixa mais “viajada”, experimental do Grave Dancers Union, efeitos vocais semelhantes à de bandas de pigfuck, ou seja, difícil decifrar o que é pronunciado por David Pirner, no final das contas, nem parece a mesma banda que faz tantas baladas, de repente, fazendo algo tão fora de sua realidade e da realidade de seus fãs.

Só tinha uma forma de o Soul Asylum finalizar seu álbum, sim, música calma, mas eu tenho que admitir, embora ela der sono, adoro a harmonia do refrão, composta por outros instrumentos, mas considero The Sun Maid completamente descartável.

Embora um álbum que possua músicas muito acima da média, como: Somebody To Shove, Runaway Train e April Fool; Grave Dancers Union é muito irregular, possuindo momentos decadentes: Without A Trace, New World, The Sun Maid. Bem, minha recomendação é simples, ouça o CD, dê uma enxugada, tire todas as músicas que estejam entre essas decadentes, caso concorde, e deleite-se do resto, mas uma coisa eu posso garantir que há muito mais coisas para aproveitar do que descartar.

Soul Asylum – Grave Dancers Union (1992)
Gênero: Grunge/ Rock Alternativo

01 – Somebody to Shove – 3:14
02 – Black Gold – 3:57
03 – Runaway Train – 4:26
04 – Keep it up – 3:48
05 – Homesick – 3:34
06 – Get On Out – 3:30
07 – New World – 4:03
08 – April Fool – 3:46
09 – Without a Trace – 3:33
10 – Growing Into You – 3:13
11 – 99% – 3:59
12 – The Sun Maid – 3:53

Destaques:
Somebody to Shove, Runaway Train, Get On Out, April Fool

DOWNLOAD

Review e Post por MA
Upload por LA

“Qualquer arquivo protegido por algum tipo de lei deve permanecer, no máximo, 24 horas em seu computador. Eles podem ser baixados apenas para teste, devendo o usuário apagá-lo ou comprá-lo após 24 horas. – A aquisição desses arquivos pela Internet é de única e exclusiva responsabilidade do usuário. Os donos, administradores e qualquer outra pessoa que tenha relacionamento com a produção do blog não têm responsabilidade alguma sobre os arquivos que o usuário venha a baixar e para que irá utilizá-los”.

Esse post foi publicado em Soul Asylum e marcado , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s